Notícias

Sente desejo por doces? Pode ser sinal precoce de demência!

Você costuma sentir um forte e constante desejo por doces, chocolates, bolos e afins? Cuidado! Esse hábito alimentar pode ser um sinal precoce de demência.Isso acontece porque, ao atingir os lobos temporal e frontal do cérebro, a demência pode começar a dar determinados sinais, é o caso do desejo excesso por alguns tipos de alimento, como os doces.Desejo excessivo por doces pode ser sinal precoce de demênciaExiste uma explicação para o aumento significativo do desejo de consumir doces quando atingido pela doença. Segundo a Associação do Alzheimer (Alzheimer’s Association), quando a demência está presente na vida da pessoa, as papilas gustativas podem diminuir.Além disso, estudos sobre o assunto apontam que o nível de insulina produzida pelo cérebro cai, aumentam o nível de desejo por este tipo de alimento. 

|

Texto Auxiliar: Alinhamento Texto Auxiliar: Link Externo: Alinhar à esquerda: Alinhar à direita: Alinhar ao centro: Fullscreen: Fullscreen Exit: Conteúdo Sensível:

 LEIA TAMBÉM:+ Afinal, chocolate faz bem ou mal à saúde? Confira aqui!+ 4 cortes melhores que picanha para seu próximo churrascoNo entanto, isso pode ser bastante preocupante. O excesso de consumo de doces e chocolates acabam resultando em ganho de peso, além de não facilitar na criação de hábitos alimentares mais saudáveis. Com o avanço da doença, a situação pode tornar-se cada vez mais preocupante.E a diabete?A diabete é uma doença crônica que afeta como o corpo metaboliza a glicose, um tipo de açúcar que é a principal fonte de energia para as células.A glicose é produzida a partir dos alimentos que ingerimos e é transportada pelo sangue até as células, onde é usada ou armazenada. Para que a glicose possa entrar nas células, é preciso que o hormônio insulina esteja presente, que é produzida pelo pâncreas, um órgão localizado atrás do estômago.Diversos estudos recentes apontam que pode existir uma ligação entre a demência e a diabete, principalmente no caso da diabete tipo 2.Segundo a revista Science, ingerir açúcar em excesso pode ser prejudicial para a saúde de diversas formas, inclusive prejudicando a função cognitiva e causando danos aos neurônios.Estudiosos do assunto afirmam ainda que, conforme as estimativas, aqueles que possuem diabete estão mais propensos a desenvolver demência.

Fonte: DOL – Diário Online – Portal de NotÍcias 

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo