Notícias

Pistoleiros entram em residência e executam mulher a tiros

Uma mulher foi surpreendida dentro da própria casa por dois pistoleiros e morta com vários tiros. A vítima foi identificada pelo prenome Edilene, também conhecida na área pelo apelido de “pescoço queimado”, não teve chance de escapar da mira dos assassinos, que chegaram ao local numa motocicleta CG Titan, de cor vermelha, chamaram na porta da casa e quando ela apareceu foi atingida com vários tiros.Conforme a Polícia Civil, o homicídio, que tem características de acerto de contas, ocorreu na tarde de sábado, 15, na Avenida Brasil, na periferia da cidade de Tucumã, sul do Pará.Veja também:Polícia faz grande operação em bares e casas noturnasTrio é preso em flagrante por tráfico e associação criminosaHomem invade residência de tarde e furta mais de R$ 14 milMesmo baleada, Edilene conseguiu correr para dentro de casa, porém morreu na sala de entrada do imóvel, enquanto os assassinos fugiram do local em alta velocidade, deixando moradores vizinhos apavorados com a cena do homicídio, ocorrido em plena luz do dia.Conforme informações da Polícia Civil de Tucumã, a motivação do crime segue desconhecida, e será investigado de inquérito policial.De acordo com informações policiais, Edilene já teve passagens pelo sistema prisional, suspeita de envolvimento em crimes como roubo e furto, assim como o ex-marido dela, que foi morto no último dia 18 de fevereiro. A principal linha investigava é que os dois crimes podem ter relação direta com motivações relacionadas a vingança ou acerto de contas. O desfecho das investigações policiais poderão esclarecer os dois assassinatos. (Sandra Regina)

Fonte: DOL – Diário Online – Portal de NotÍcias 

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo