Notícias

Jovem de 23 anos morre uma semana após arrancar siso

Uma jovem de 23 anos faleceu, na última quarta-feira (17), vítima de uma infecção uma semana depois de ter extraído o siso em Leme, interior de São Paulo. A vítima foi identificada como Marina Mesquita Silva. Ela chegou a ficar internada por três dias, mas não resistiu.
O caso é investigado pela Polícia Civil e, a princípio, foi registrado como “morte suspeita”. No boletim de ocorrência registrado pelo pai de Marina, a jovem tomou antibióticos receitados pelo dentista e fez a extração em 10 de maio.Ossos de cem bebês são encontrados em esgoto de IsraelJovem de 26 anos é morto em plena luz do dia no sul do Pará
Após a cirurgia, sentiu muitas dores no local e decidiu voltar ao consultório dois dias depois, onde foi avaliada e liberada em seguida. Nos dias 13 e 14 de maio, voltou novamente a buscar atendimento médico, dessa vez no Pronto-Atendimento Municipal, sendo novamente atendida e liberada.
Infecção e parada cardíaca
No dia 15 de maio, voltou ao consultório dentário e, novamente, foi atendida e liberada até que o pai de Marina decidiu levá-la ao pronto atendimento. Lá, receberam uma ligação do dentista informando que o profissional prescreveu um encaminhamento à Santa Casa.
Naquele mesmo dia, ela foi internada com um quadro de “celulite facial” (infecção aguda) e abscesso dentário pós extração de siso (uma infecção bacteriana que causa acúmulo de pus). Ela foi medicada, mas na quarta (17) sofreu uma parada cardíaca, ficou intubada. Sofreu uma nova parada e não resistiu.

Fonte: DOL – Diário Online – Portal de NotÍcias 

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo