Notícias

Corinthians perde para Argentinos Juniors na Libertadores

O Corinthians não conseguiu mostrar força atuando em Itaquera e perdeu para o Argentinos Juniors por 1 a 0, em jogo válido pela 2ª rodada do Grupo E da Libertadores disputado na noite desta quarta-feira (19).
Com o resultado, o time de Fernando Lázaro estacionou nos três pontos e perdeu a liderança do Grupo E. Os argentinos, por outro lado, foram a seis pontos e chegaram ao topo da chave.
A primeira etapa ficou marcada por um Corinthians lento diante de um Argentinos Juniors agudo. Logo aos 12 minutos, os visitantes abriram o placar com Cabrera e neutralizaram o meio de campo da equipe brasileira.No 2° tempo, Lázaro mexeu no time, mas não viu resultado: o excesso de bolas alçadas na área facilitou a vida da zaga rival, que ainda assustou com o atacante Ávalos.
O Corinthians volta a campo pela Libertadores no próximo dia 2, contra o Independiente Del Valle, em casa. No mesmo dia, o Argentinos Juniors recebe o Liverpool.
O JOGO
O jogo esquentou logo aos dois minutos, quando Cantillo e Montiel dividiram de carrinho uma bola na linha lateral. O argentino reclamou de uma suposta agressão do corintiano, e o árbitro Jesús Valenzuela esperou quatro minutos para tomar uma decisão — a partida seguiu normalmente.
No lance seguinte ao bate-boca, Ávalos quase abriu o placar ao aproveitar cruzamento que saiu em erro de Fábio Santos. A bola, no entanto, carimbou o travessão dos mandantes.
Mais agudo, o Argentinos Juniors chegou ao gol aos 12 minutos. Montiel fez linda jogada pela esquerda e, depois de passar com facilidade por Fagner e Balbuena, cruzou na medida para Cabrera, que apareceu em velocidade e deslocou Cássio de cabeça: 1 a 0.
Em desvantagem no placar, os brasileiros passaram a atacar após um lance raro: Montiel, sozinho no campo de defesa, levantou a bola e cabeceou para o próprio goleiro. Resultado? Falta e cartão para o infrator. O lance não resultou em gol, mas serviu para o Corinthians -que perdeu Fagner lesionado- ensaiar uma reação até o intervalo.
O técnico corintiano voltou com Roni e Romero no lugar das então novidades Cantillo e Matheus Araújo. O que se viu, no entanto, foi o Argentinos Juniors assustando de novo: aos três minutos, Ávalos ganhou na disputa com a zaga rival e tocou para o fundo do gol, mas o lance acabou anulado por mão na bola por parte do atacante.
Passado o susto, o time mandante reclamou de dois lances dentro da área: primeiro, em uma cabeçada de Fábio Santos que desviou no braço de Torrén. Depois, quando Yuri Alberto caiu antes de cruzamento da direita. A arbitragem ouviu o VAR nas duas oportunidades e mandou o jogo seguir.
Impulsionado pela entrada de Paulinho no lugar de Giuliano, o Corinthians passou a explorar o jogo aéreo em busca do empate. Foi em um desses lançamentos que Fausto Vera pegou rebote de primeira e, por pouco, não balançou as redes de Lanzillotta.
O Argentinos Juniors recuou nos últimos minutos e chegou a tomar pressão em meio aos vários cruzamentos corintianos, mas conseguiu se segurar até o apito final de Jesús Valenzuela — Paulinho ainda chutou para fora já na casa dos 50 minutos.

Fonte: DOL – Diário Online – Portal de NotÍcias 

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo